Redes sociais ou site – Qual a melhor estratégia?

Na hora de investir pesado no marketing digital, muitos sentem dúvidas do que fazer. Se criam apenas redes sociais ou somente sites para alavancar a sua imagem e consequentemente as vendas.

É crucial identificar certos fatores do seu negócio, pois eles irão dar uma pista de qual melhor estratégia para você, além de ter muito cuidado com o desenvolvimento de um plano de marketing, afinal a propaganda é a alma do negócio.

 

Vantagens das Redes Sociais para o marketing digital

As redes sociais são um veículo de informações, tendências, opiniões e influência mais funcional nos dias de hoje. Essa ação é agravada a cada momento, pois todos os dias mais pessoas entram no mundo das redes sociais.

Sua influência é tão grande no mundo do comércio que 77% dos consumidores analisam e fazem pesquisas por intermédio das redes sociais. Ajudando na escolha de qual produto comprar, onde comprar ou qual serviço será utilizado.

Outras vantagens circundam as redes sociais, fato de não ter um gasto para criar a sua página ou perfil do Facebook. Pois os cadastros são gratuitos, necessitando apenas de um e-mail.

Mídias como o Facebook ofertam opções para melhorar o direcionamento dos seus produtos para os clientes em potencial, caso queira utilizar esse serviço, é cobrado uma taxa.

As redes sociais permitem uma interação quase física, pois é possível interagir como o produto anunciado com “reações”, expondo opinião, tirando dúvidas, ou comentando.

Essa posição favorece muito o vendedor, pois pode abrir caminhos para a fidelização da clientela.

E como todo mundo tem redes sociais, e passam muito tempo nelas, a chances dos seus produtos serem visto é muito maior. São cerca de 13 horas do dia de um brasileiro, gastos com as redes sociais.

Vantagens de criar um Site para o marketing digital

Ter um site não é apenas chique, é uma forma de assegurar o cliente, passar confiança de que é seguro comprar da sua empresa, e isso instintivamente reflete no seu produto ou serviço.

Como a exigência dos consumidores modernos, há um fator ainda mais específico, eles preferem sites que tenham o selo de segurança.

Essa é uma condição que as redes sociais não dispõem o que comprova o fato de que 70% dos consumidores brasileiros compram somente por sites.

O site disponibiliza várias funções dentro do seu domínio, abrindo a oportunidade de conhecer ainda mais a sua marca, similar a um cartão de visita mais interativo.

É aí, que entra a confiança, pois a partir do site, o cliente em potencial conhece mais sobre a marca, a empresa, os produtos e todos os serviços disponibilizados.

Lembra que citamos que a grande maioria dos consumidores preferem sites com selos de segurança? Isso é por que impede que as informações das transações caiam em mãos erradas, tornando o ambiente muito mais seguro.

Os sites são mais fáceis de encontrar se tiverem boas configurações de SEO, mesmo que o cliente não saiba o nome da sua marca, ainda pode procurar por meio dos buscadores e ser encaminhado para o seu site.

Qual escolher? Site ou rede social?

Essa resposta será obtida através de uma análise do seu negócio, levando em consideração o tamanho do seu empreendimento, o seu orçamento para o marketing digital, o seu público alvo e o seu nicho.

Por exemplo, um restaurante não necessita obrigatoriamente de um site, apenas as redes sociais dão conta de melhorar a seu contato com o público. Por isso é necessário analisar qual o seu nicho.

No geral, o ideal é que haja uma conciliação entre as redes sociais e o site, pois enquanto o site passa segurança para o cliente tornando a sua marca referência, as mídias sociais melhoram o relacionamento com o público levando os seus produtos e novidades rapidamente e diariamente ao público.

Se optar por utilizar ambos os meios, é recomendado que primeiro seja feito o site, pois ele agrega credibilidade ao seu negócio. Afinal o  perfil de uma rede social não é seu, é da empresa dona da mídia.

A criação de um site com domínio necessita de uma série de fatores que levam mais segurança ao cliente.

Traz segurança também para o seu investimento, pois através dele fica mais em evidência que estratégias estão dando mais certo para alcançar o público, isso por que o site dispõe todas as informações que acontece dentro dele.

Assim poderá contemplar o que mais está sendo assertivo.

Rede social + Site

Não há um melhor que o outro ou dois ajudam a melhorar o seu marketing digital, porém antes é necessário fazer uma análise se o seu negócio realmente necessita de um site. Se a resposta for sim, invista primeiro no site e posteriormente nas redes sociais.

Site vs Blog – Qual devo criar para a minha empresa?

No momento de escolher as adoções de métodos para o marketing digital surgem muitas dúvidas. Saber identificar quais são os melhores caminhos e poder dedicar com força total nesse meio, pode parecer difícil.

Para isso nós criamos esse artigo a fim de sanar duvidas e te orientar para o melhor recurso dentro do seu negócio, ou até mesmo o uso conciliado das duas ferramentas o blog e o site, para melhor atender as suas necessidades.

Conhecendo o Blog

Os blogs são domínios que permitem a criação de conteúdo que podem ser exibidos na internet, é gerido por posts ou artigos que vão ser a alma do blog, pois a partir desse conteúdo irá chamar a atenção dos consumidores.

Conhecendo o Site

O site assim como o blog é um domínio da web com hipertexto que para o empreendedor funciona como um cartão de visita do seu negócio, onde contém a suas informações e as dos seus serviços.

Diferenças e tipos

O site e o blog têm estruturas diferentes assim como o seu uso, apesar do blog ser um site, o site não é um blog.

Vamos diferenciá-los:

O blog é uma página que onde sofre atualização e é alimentado frequentemente, pois tem uma natureza mais maleável.

Os conteúdos são divididos em tags e por categorias, e utiliza uma linguagem mais informal, mais acessível a grande maioria das pessoas, e sempre alimentado com artigos e posts.

O site sofre menos atualizações, isso por que o seu sistema é mais rígido, o conteúdo é organizado para determinados eventos ou períodos, por exemplo, um mês.

Outro ponto é a linguagem mais formalizada para representar a seriedade da empresa, e contém dados que permitam o contato, além de informar sobre os serviços e os produtos.

Qual o melhor para uma empresa, o Site ou o Blog?

Não há um melhor que o outro, cada um atua em um ponto diferente de público, o que faz da união uma estratégia muito mais eficiente, principalmente quando se usa o Inbound Marketing.

Se quiser entender mais sobre a estratégia Inbound Marketing, leia o nosso artigo: Veja os benefícios de adotar o inbound marketing como estratégia

Uma empresa pode atender melhor cada necessidade unindo o site e o blog, pois com o site poderá passar confiança se apresentando, mostrando as suas características, produtos e diferencias e ainda ofertando um canal de compra.

Com o Blog pode adicionar conteúdo de valor que irá garantir a sua credibilidade no assunto melhorando a sua imagem como marca de referência, além de educar o consumidor e mostra que você é a melhor escolha.

Alguns nichos não precisam obrigatoriamente usar as duas ferramentas, para isso precisam conhecer muito bem o seu público-alvo, persona, seu comércio, nicho e concorrência.

Para melhorar a potência do seu site e do seu blog, é necessário conhecer os tipos de sites e blogs analisando quais melhores se encaixam dentro do seu nicho.

Como conciliar o site com o blog?

A criação do site surge como um cartão de visita e um canal mais confiável de compras, além de mostrar quem você é. Exibindo questões direcionadas da sua loja como promoções e ofertas.

O blog vem para criar conteúdo de qualidade onde vai ensinar o consumidor que ele precisa dos seus serviços dando argumentos e conteúdo bem atualizado e de relevância.

Quando ele escolher os seus serviços para sanar o seu problema, ele irá até o seu site. Dentro do site pode conter um link que o leve até o seu blog.

Blog ou Site? Que tal os dois?!

Para alcançar um maior número de público não exclua nenhum das duas formas.

Utilize o site e o blog, pois elas unidas fazem melhor o trabalho de conquistar o público com e finalizando a contratação dos serviços que geram mais confiança.

Vale a pena investir na criação de um site?

Para uma estratégia de marketing, cada veículo de divulgação tem a sua finalidade, cromo a criação de um site, por exemplo, o que explica o fato de muitas empresas grandes disponibilizarem vários canais.

O fato de ter um canal não exclui outro, por isso primeiramente tem que haver uma análise dos seus objetivos quanto o marketing de sua empresa, a partir daí pode haver uma ponderação sobre quais canais devem ou não ser utilizados.

 

Criação de um site

Antes da criação do site é necessário analisar se o seu negócio necessita realmente de um site, isso vem embasado nos seus objetivos, fugindo do modismo e sim indo para o caminho que pode gerar lucros para sua empresa.

Pensando em lucros, o site pode te auxiliar servindo como um canal de vendas de divulgação do seu produto, mostrar a identidade da sua marca, pontuar mais confiança, além da oportunidade de se tornar referência dentro do seu ramo.

“Mas como definir o meu objetivo para saber se preciso ou não criar um site?”

Definindo o seu objetivo através do S.M.A.R.T.

Para entender melhor os objetivos a estratégia S.M.A.R.T. separa os critérios em cinco eixos:

Específico (specific) – desenvolver um objetivo geral e mais especifico para o seu projeto;

Mensurável (meansurable) – definir o que pode ser contado, como por exemplo, o retorno do faturamento com a campanha;

Atingível (attanaible) – fazer uma investigação de os seus objetivos e o faturamento são possíveis de serem alcançados;

Realista (realistic) – precisa analisar se os pontos acimas são realista, assim poderá seguir confiante dos resultados;

Temporizável (Time bound) – em que tempo você estima para alcançar os resultados dos projetos.

Através dessa análise você poderá enxergar mais claramente os seus objetivos, e agora vamos analisar se o site entra nas características para auxiliar no alcance desses objetivos.

Vantagens de ter um site

Agora você tem a imagem dos seus objetivos, vamos analisar quais são as vantagens de um site e descobrir se essas vantagens se conectam com o que você almeja alcançar.

Um bom tráfego dentro do seu site aumenta a divulgação dos seus produtos assim como a marca da empresa, disponibilizando informações e formas de entrar em contato.

Com um maior tráfego o Google entende que o seu site é relevante e com isso melhorará o seu ranqueamento e transformaria a sua página em uma autoridade de domínio.

Através do site pode haver conversão maior de visitantes, gerando um maior número de vendas. E a retenção que trará o contínuo acesso dos usuários dentro da sua página, ou seja, contato constante com o público.

Se os seus objetivos batem com algumas das características citadas acima então é hora de investir no seu site.

Cuidados com a criação de um site

Criar um site somente por criar, por uma quantidade de informações e depois deixar de lado, provavelmente não surtirá efeito.

Como o site está interligado com as funcionalidades do SEO e os buscadores, é necessário que ele seja alimentado constantemente de conteúdos que sejam atrativos para o seu público alvo.

Quanto mais conteúdo disposto na internet, mais facilmente a clientela encontrará o sue domínio na web, por isso a atualização é fundamental.

Para os sites que servem como loja, fique sempre atento a personalização para que todo o ambiente corrobore para a realização da compra. Além de possuir o selo de segurança onde trará mais segurança ao cliente.

A velocidade do site também é um fator importante, pois o usuário não irá perder muito esperando para que o site carregue.

É vantajoso criar um site?

A resposta para essa pergunta vai variar dependendo dos seus objetivos com o marketing digital.

O site tem muitas vantagens, mas diferentes de outros canais tem um função já determinada. Se essa função te auxiliar a alcançar as suas metas a resposta é sim, vale muito a pena. Mas se não, pode buscar outros canais.

Veja os benefícios de adotar o Inbound marketing como estratégia

Um dos grandes desafios para as empresas em relação ao marketing digital é o crescimento e a interação dos clientes dentro de suas plataformas digitais, assim como as estratégias para alcançar esses objetivos.

Para isso, o Inbound marketing é um das melhores formas de bolar estratégias que mudam o modo das relações entre empresa e cliente, motivando-os e fazendo a fidelização efetiva.

Para ter mais segurança e ter certeza da abordagem do Inbound Marketing fizemos esse artigo especialmente pensando em suas necessidades com as vantagens e como funciona o Inbound Marketing.

Inbound Marketing

O Inbound Marketing, diferente dos modelos tradicionais de marketing, tem como objetivo atrair os clientes de modo que eles façam a conversão e acabem fidelizados. Mas, eles que vão de encontro com a empresa e não o oposto.

Essa estratégia é eficaz por que previamente já foi desenvolvido um interesse no cliente, e com algumas outras táticas pontuais e a compra acontece.

Dentro dessa estratégia há uma sondagem dos clientes em potencial, e, a partir daí, são formadas estratégias de atração para os canais da empresa como sites, blogs e outros.

Uma vez estando lá os relacionamentos serão fortificados com conteúdos que serão introduzidos dentro das suas camadas de interesse, acompanhando todos os passos até que a compra seja efetivada.

O Inbound Marketing também é muito eficiente em mostrar os seus serviços, os objetivos da empresa, quem são e isso gera confiança e credibilidade.

Isso unido a uma educação do cliente dentro do assunto que faz a ligação entre os dois.

Benefícios que surgem através do Inbound Marketing

O Inbound Marketing acompanha as novas modificações do comércio, se adequando ainda mais aos novos modelos de consumidor, levando a uma quebra do antigo, onde agora o foco é no relacionamento.

Confira os 6 benefícios que trouxemos pra você, esclarecendo o funcionamento e as proporções do Inbound Marketing.

  • Novos consumidores modernos

O consumidor utilizando o método Inbound Marketing passa por quatro estágios, onde o início é ensinar, educar o consumidor sobre determinado problema.

Entendendo que sofre com esse problema, toma consciência disso, esse é o segundo passo.

Após ele conseguir identificar e nomear os problemas que adquiriu e a necessidade de consertá-lo.

E no fim das etapas o consumidor escolhe que método irá utilizar para melhor resolver o seu problema.

Essas etapas é o retrato do que o novo consumidor busca, faz a pesquisa para solucionar o seu problema, e a empresa apresenta um leque de oportunidades de entender as causas e as soluções.

  • Autoridade no seu ramo

Levar conteúdo de valor transforma a sua empresa em uma de referência no ramo que atua. Isso aumenta a confiança e a credibilidade, tornando-se modelo nas buscas.

O que leva a uma cascata de consequências boas, como autoridade no mercado, maior visualização em seus canais, mais consumidores buscando a sua marca e o melhor, a subida do seu faturamento.

  • Leads mais precisos

Fazendo uso do Inbound Marketing traz para o empresário, informações mais precisas dos consumidores que consomem o seu conteúdo, ou seja, gera mais leads.

Ter esses leads ajuda entender o seu público alvo, desenvolvendo estratégias mais voltadas para esse público e dispensando a contratação de novas equipes comerciais.

  • Dados que mensuram o marketing

Através do site ou blog fica mais fácil analisar quais estratégias de marketing levaram o consumidor até o seu canal, dando uma visão maior do que está funcionando mais e quais medidas devem ser tomadas para haver uma melhora.

  • Todos podem utilizar

Mesmo quem está dentro dos MPEs pode fazer uso do Inbound Marketing, pois é uma adaptação para melhor se adequar ao mercado e as novas formas de consumo.

Tendo em vista que há uma grande concentração de clientes nos ambientes virtuais.

  • Alavancar as vendas

Uma aplicação da estratégia de Inbound Marketing consequentemente traz um aumento de vendas por que preenche os requisitos dos consumidores, melhorando as relações e gerando mais confiança.

Tudo através dos leads, das informações do marketing, facilitando os meio de compras e as formas de esclarecer as dúvidas.

Inbound Marketing é uma estratégia que está gerando resultados positivos

Implementar o Inbound Marketing é munir a sua empresa para as novas faces do comércio, e consequentemente melhorando o seu faturamento. Pois essa estratégia visa atrair mais clientes a partir de etapas de consumo.

Se gostou dessa matéria, leia também: Autoridade de Domínio: O que é e como influencia no ranqueamento ?

Veja 5 formas de melhorar o Pagerank do seu site

Para descomplicar o que é o Pagerank e as formas de melhorar o seu tráfego orgânico das suas páginas da web, trouxemos para você esse artigo que irá ensinar o que o Pagerank e as suas funções.

E como por em prática o Pagerank para melhorar os seus negócios, acompanha para saber mais e começar a usar as estratégias de Pagerank.

Pagerank

O Pagerank é uma forma de contabiliza a relevância de um site, usado pelo buscador do Google para medir a importância dos sites que estão presentes na web. Foi criado pelo americano Larry Page, daí vem o nome “Page Rank”.

Essa escala de relevância é medida através da qualidade, quantidade e o contexto dos links que a página arrecada.

Ele faz essa classificação analisando que se uma página não tem a qualidade ou o contexto, por mais que ela receba uma grande quantidade de link ainda sim não será autoridade no seu ramo.

Já sem ter um bom contexto ou quantidade não irá desenvolver e o mesmo acontece no caso do défice de qualidade e quantidade.

Por que o Pagerank é importante?

O Pagerank auxilia a melhorar o tráfego orgânico, pois quanto melhor estiver o seu posicionamento no pagerank, melhor será a sua posição dentro dos buscadores.

Essa é a importância de ser uma autoridade de domínio, que indica que você é referência dentro da sua área de atuação o que leva credibilidade e mais vistas no seu site e consequentemente mais conversões de compradores.

Para entender mais sobre autoridade de domínio, leia também o artigo: Autoridade de Domínio: O que é e como influencia no ranqueamento?

Para alcançar essa qualidade creditada pelos buscadores é necessário ter links externos que levem ao seu site, sem serem por meio de spam, links falsos ou comprados.

Esses sites que fazem link como seu, devem ser relevantes, ou seja, com número grande de tráfego orgânico e devem estar no mesmo ramo que você.

Assim entenderá que você é muito bom no que faz e serve de referência a outros do mesmo nicho.

Formas de melhorar o ranqueamento usando o Pagerank

Para melhorar a sua classificação dentro do Pagerank visando assim ser referência e se tornar autoridade de domínio a alguns ações que podem ser feitas, confere os 5 formas melhorar o Pagerank do seu site:

1 – Pode ser feito uma busca dentro do Google avaliando quais sites ofertam o seu link, e pode pedir a exclusão desses links nos sites que apresentam uma baixa reputação ou uma ruim.

2 – Produza conteúdo de qualidade e que traga relevância para os leitores, assim aumentará o número de sites que linkaram com você, incluindo sites que tem uma boa reputação e grande público.

3 – Adentre sem medo nas redes sociais, disponibilize links do seu site também nas redes sociais, assim as respostas que você terá serão formas de identificar se está agradando, e aumentar a sua popularidade.

Aumentando a sua reputação que consequentemente leva ao Pagerank, e aumenta o seu tráfego orgânico.

4 – Parcerias com pessoas que possuem muita influência permite um maior alcance do seu site, podendo fazer divulgação, linkagem e aumento significativo de usuários dentro do seu domínio.

5 – Use e abuse do You Tube abra novas plataformas para melhorar a sua reputação levando conteúdo a outros níveis e plataformas, como por exemplo, o You Tube.

Até por que ele é um dos maiores influenciadores onde muitos usuários podem classificar o conteúdo e reputação dos youtubers.

Conclusão: uma estratégia voltada para o Pagerank melhora muito os resultados do seu negócio.

O Pagerank melhora a sua posição nos buscadores, o que torna mais fácil de acesso para os consumidores em potencial, elevando o número de visitantes da sua página.

Levando-os ao resultado final, adquirir o seu produto. Tudo isso em função da relevância de conteúdo que a sua marca tem dentro dos usuários e concorrentes.

Profissional em marketing de conteúdo

Para o empreendedor que está ponderando a criação de sites, precisa analisar quais plataformas melhor atende sua necessidade, pois cada uma possui ferramentas distintas sejam pagas ou gratuitas.

Identificar quais ferramentas melhor se encaixa no seu negócio e no seu objetivo ditará qual delas é a melhor para você. Para te auxiliar nessa análise separamos para algumas plataformas e suas ferramentas. Vamos conferir.

Como escolher as melhores ferramentas para criação de sites?

Optar por qualquer plataforma com qualquer ferramenta pode ser prejudicial em longo prazo, por isso é necessário saber os critérios que o seu negócio exige para a criação de sites.

A criação de sites deve ser avaliada de modo que preencha as necessidades do administrador, facilitando na hora de por conteúdo, dando uma vasta opção de edições de personalização e outros.

Os critérios que devem ser analisados são a personalização se há uma quantidade e funções que permitem uma personalização e que seja satisfatório, podendo ser modificado quando necessário.

A usabilidade dever ser um ponto a si considerar, dê preferência para aquelas que são mais fácies de usar.

O qual não seja obrigatório à contratação de um especialista. Quanto mais fácil a plataforma, mais rápido será para fazer as melhorais,

O domínio é um ponto forte, algumas plataformas ofertam domínio gratuito e pago, no geral os domínios gratuitos são mais difíceis de ranquear, porém vária da plataforma.

A escolha do nome do domínio para a criação de sites, também é importante para que não haja problemas em outro site usar o mesmo nome que você.

 Nem todas as plataformas ofertam certificado SSL, ou seja, certificado de segurança, com a utilização dessa certificação protege o site e o consumidor no momento que houver transações.

 E se a plataforma oferta opção de criar uma loja virtual do qual poderá exibir os seus produtos.

Plataformas para criação de sites

Fizemos uma lista com algumas plataformas mais usadas e com mais vantagens confira:

Plataforma número 1: WordPress

O WordPress é marcado por sua facilidade de uso e uma quantidade grande de configurações que são feitas através de Plugins. Domina 30% da internet e tem um público muito vasto que permite auxiliar caso haja algum problema.

Resumindo o WordPress é seguro e de fácil manuseio, tem uma biblioteca grande de configurações, onde a maioria dos provedores possibilitam ferramentas para o WordPress.

E por ele você pode construir qualquer tipo de site, com um repertório grande para a personalização em temas pagos e gratuitos.

A desvantagem do WordPress é que a personalização é feita através dos plug-ins de construção, o que pode trazer uma certa dificuldade para os mais inexperientes.

Há uma variedade de plug-ins que não são bons, de baixa qualidade que devem ser evitados.

Plataforma número 2: Drupal

Mostra um nível superior de desempenho comparado aos demais, o que se tornou muito usada a nível empresarial. Possibilita uma grande gama de personalização assim como criação de um conteúdo nativo.

O que mais chama a atenção é a segurança dessa plataforma para criação de sites, porém como é voltado para sites maiores, tem certas construções difíceis, o que dificulta para quem quer um site mais comum.

Os pontos positivos são a sua performance e as configurações de segurança, tem uma quantidade grande de plug-ins para melhor te atender na hora de personalizar  o seu site.

Possibilita uma maior escalação para o site, pois possui uma arquitetura completa e sofisticada. Tem temas de distribuição para sites específicos.

Porém, é complicado para quem não tem experiência em criar sites.

Plataforma número 3: SilverStripe

A melhor se deseja facilidade e não é muito exigente quanto às configurações de personalização.

Possui uma ferramenta que auxilia o ranqueamento do seu site e uma ferramenta de edição que possibilita a visualização do seu conteúdo enquanto ainda escreve.

Outra função que destaca essa plataforma é um relatório de erro que permite a visualização dos erros da página diretamente pelo painel.

Com as configurações de personalização a plataforma deixa e desejar, pois os temas são poucos e não tão agradáveis, e para usar outro recurso como o HTML tornaria mais complicado para os amadores.

Criar sites com a plataforma certa

Para melhor atender as suas necessidades de um site, é necessário uma análise de que pontos mais fortes as plataformas ofertam.

Criar sites é uma excelente forma de chamar atenção de clientes e melhorar o ranqueamento e a imagem da sua marca.

Quer conhecer mais sobre as estratégias de marketing digital? Leia também: Redes sociais ou Site – Qual a melhor estratégia?

Profissional em marketing de conteúdo: Por que contratar?

Quando o assunto é marketing nos vem logo à cabeça, vários termos em inglês complicado, diversas nomenclaturas similares com finalidades distintas. O que torna o marketing o terror para muitos.

O que é dispensável, pois o marketing é uma das melhores formas de alavancar a sua marca e aumentar as vendas do seu produto, então ele deve ser visto como um parceiro muito útil.

Porém criar estratégias eficientes de marketing não é para qualquer um! Exige muito esforço, conhecimento abrangente de diversos segmentos e tempo para fazer a elaboração e análise.

Por isso é muito cômodo a contratação de um coaching de marketing de conteúdo.

Ferramentas para fazer um bom marketing de conteúdo

Trabalhar criando um bom marketing de conteúdo não é apenas escrever bem textos e com uma gramática aceitável, o marketing de conteúdo engloba muitas outras atividades a fim de melhorar o tráfego dentro dos seus canais.

Entre as diversas ferramentas está o planejamento dos conteúdos, para funcionar têm que definir persona, público-alvo, ações, orçamento entre outros, o que levaria muito do tempo de uma pessoa que lida com a administração de empresa.

 Necessário conhecimento de ferramentas com o SEO, e as constantes atualizações dos buscadores. Ou seja, mais do que saber escrever é necessário saber aplicar os conteúdos dentro do site, de modo eficiente.

O marketing de conteúdo também conta com análise de resultados gerados e leads, assim como diversos relatórios, onde um profissional qualificado e experiente consegue dar conta facilmente.

Esses são alguns conhecimentos que as agências de marketing de conteúdo precisam ter para conseguir uma clientela e gerar resultados.

Esses conhecimentos são muito técnicos, por isso é melhor deixar na mão de profissionais, gerando mais tempo e energia para você desenvolver melhor outras atividades dentro da empresa e não se sobrecarregar de responsabilidades.

Motivos pra contratar uma equipe de marketing de conteúdo

Uma equipe de marketing de conteúdo experiente e qualificada pode trazer resultados mais rápidos e eficientes em tempo menor, do que você ficar a frente de tudo ou montar uma equipe interna para assumir a função.

Por isso separamos uma lista com alguns pontos que fortificam a ideia de que é mais vantajoso contratar um profissional de marketing de conteúdo.

  • Escrita de artigos a nível profissional, com qualidade, dentro das regras gramaticais e com uma forma chamativa para melhorar a aceitação do seu público alvo.

Além da criação de um conteúdo voltado diretamente para o seu público alvo, com manejos próprios da escrita e com menores chances de erro.

  • Administração de tempo é uma das vantagens, quando há uma equipe própria e capacitada para assumir determinadas responsabilidades, obtêm-se mais tempo para voltar-se para outras atividades.

Ou seja, melhorar a administração da empresa, pois não precisa gastar tempo em atividades tangenciais.

  • É uma ótima pedida para quem não quer criar uma equipe interna, evitando gastos altos, espaço, seleções. Preocupações que não são relevantes para quem faz a contratação de terceiros.

Outros fatores que desperdiçam muito tempo e recursos.

  • Com uma equipe profissional de marketing de conteúdo as chances de ter resultados sólidos são muito maiores, por que todas as ações serão direcionadas e planejadas para haver resultados.

O que é diferente quando não se há conhecimento e cada ação vira um experimento, com torcida para que funcione. Assim os resultados serão muito insignificantes podendo levar a prejuízo do investimento.

  • Para cada ação no marketing de conteúdo é gerado um relatório que evidenciará cada investida no mercado, esses relatórios ficam na responsabilidade do profissional de marketing de conteúdo.

O marketing digital possibilita numerar todas as ações com resultados, mas para isso é necessário conhecimento para interpretá-los.

O que mostrará se realmente estão sendo alcançados os resultados esperados e deixando mais sólido o investimento.

Marketing de conteúdo e consultoria

Para poder relaxar tendo a consciência que o trabalho de marketing de conteúdo está em boas mãos, e com a certeza de que os investimentos terão um retorno, contrate uma equipe de marketing de conteúdo.

Podendo assim dar a devida atenção a outras situações mais decisivas e importantes dentro da sua empresa.

Se gostou desse artigo, leia também: Definindo a melhor estratégia de Marketing de Conteúdo!

Identificando falhas na sua estratégia de marketing de conteúdo

Com as mudanças do mercado e a forma de consumir estão cada vez mais modificadas, é importante definir estratégias claras de Marketing de Conteúdo para chamar a atenção dos clientes diferentes.

Como por exemplo, a criação de conteúdo, antes era feita pelos artigos impressos que facilmente eram descartados, esquecidos e com pouca duração por conta do material.

Hoje temos, com a reviravolta da tecnologia, formas de criar conteúdos que fiquem fixos e longes das traças, no ambiente virtual. Uma das causas dessas mudanças, o marketing de conteúdo, se tornou indubitavelmente aliado do comércio.

Marketing de conteúdo para melhorar os resultados de uma empresa

O marketing de conteúdo tem como finalidade levar até o público alvo conteúdos de relevância, criando uma imagem de referência da marca.

Essa referência é o que movimentará os negócios, pois a partir dela serão alcançado mais visitas nos seus sites e blogs, aumento da interação nas redes sociais e como consequência vendas.

Cria uma relação de confiança e credibilidade da sua marca perante não só, ao consumidor de conteúdo, como também a concorrência. É a fórmula para aumentar os leads e estabelecer a tão sonhada autoridade no mercado online.

Para dar o pontapé inicial e gozar de todas as vantagens do retorno através do marketing de conteúdo é o planejamento.

Lembra quando iniciou o seu empreendimento? Você precisou tirar horas para estudar, pesquisar e analisar vários fatores? O marketing seja de qualquer espécie exige planejamento e conhecimento prévio para ser realizado.

A partir daí, será mais fácil à criação de uma estratégia mais eficiente, pois verá os objetivos claramente, entenderá melhor a sua persona, irá analisar os gastos e que ações serão necessárias para alcançar o sucesso usando o marketing de conteúdo.

Falhas na estratégia de Marketing digital

Se a sua empresa já vem trabalhando com o Marketing Digital e não está obtendo nenhum resultado ou chegaram ao ponto do fracasso, é possível que você tenha deixado passar detalhes primordiais que vamos esclarecer mais detalhadamente.

Antes de estabelecer qualquer campanha visando abranger o sua quantidade de clientes, deve primeiro conhecer a sua persona. Nessa etapa você terá uma visão do seu cliente ideal.

E a partir desse ponto a criação de conteúdo será mais simples, pois o conteúdo será com base no que é mais interessante para o cliente, e com uma linguagem que seja mais alcançável a ele.

Outro ponto que prejudica a sua estratégia de marketing de conteúdo é o descuido com o planejamento de conteúdo, nesse ponto o conteúdo tem que ser bem trabalhado, rico e acessível linguisticamente para o leitor.

Prever dentro desse planejamento as datas de postagens também é importante, pois assim sempre terá um conteúdo de qualidade sendo exposto periodicamente, permitindo ao seu leitor a certeza de que verá mais artigos em seu blog/site.

Sempre tendo em vistas as fases do funil de compra, que irá guiar o consumidor desde o esclarecimento de dúvidas até o momento da compra do seu produto.

O próximo erro é um dos mais comuns no momento de produção de conteúdo, a falta de palavra-chave. Elas facilitam e muito o ranqueamento do seu site, deixando o seu site mais acessível na hora da busca.

A palavra-chave também ajudará no encaixe das etapas do funil de vendas. Além de facilitar o tráfego orgânico ou pago para aumentar a divulgação.

O desleixo com o conteúdo pode ter um efeito reverso quando o consumidor entra no seu site.

Artigos de baixa qualidade de informações, mal escrito e cheio de erros gramaticais, são formas de afugentar os leitores, e acredito que não seja esse o objetivo.

Criar conteúdo é um trabalho sério, pois ele fará todo o serviço de cativar o seu site e pôr a empresa como referência.

Ter conteúdos relevantes é a chave para o sucesso, assim será lembrando por ser referência no que faz. Sem falar que os gastos valeram mais a pena.

Marketing de conteúdo exige planejamento

Concluindo, você pode chegar ao sucesso de sua empresa usando o marketing de conteúdo, se não alcançou ainda pode ser por que não fez o planejamento correto, o que causa muito gasto e pouco retorno.

Faça um planejamento detalhado de todas as ações antes de começar a publicar os artigos, com conteúdo de qualidade, direcionado para a sua persona e com palavras- chave corretas garanto que os resultados virão logo.

Gostou desse artigo? Leia também: Redes sociais ou Site – Qual a melhor estratégia? 

Autoridade de Domínio: O que é e como influencia no ranqueamento

Possuir uma boa posição dentre outros sites é algo bastante desejado no meio digital, já que isso significa mais tráfego e consequentemente mais retorno positivo para você e seu negócio, seja ele qual for.

Para isso, estratégias como autoridade de domínio devem ser vistas como primordiais por quem deseja bons resultados no campo virtual. Se você quer conhecer mais sobre o assunto e obter dicas para adequá-lo a sua rotina online, fique conosco até o final desse artigo!

Autoridade de domínio: breve contextualização

Anteriormente, o sistema de ranqueamento do Google favorecia (meio que injustamente) páginas e domínios que baseavam-se exclusivamente em palavras-chave para obter boa posição nas pesquisas dos usuários.

Isso, com o passar do tempo, foi se modificando, com as constantes atualizações do próprio Google. Hoje, para se conseguir alcançar melhores posições no ranking da gigante, passa-se por um crivo mais criterioso, que possui o objetivo de levar mais conteúdos relevantes ao público.

Pois então chegamos ao aspecto da autoridade de domínio, e sua influência no ranqueamento de um site na internet. É importante ressaltar que o fator conteúdo tem nítida importância aqui mais do que quantidade simplesmente.

O que é autoridade de domínio?

Esse recurso de posicionamento funciona como uma métrica, que, baseando-se em aspectos de histórico como visitação e permanência, dita a relevância de um determinado website e determina informações sobre seu rank nas buscas.

Através de sua medição é possível elaborar estratégias que qualifiquem um domínio a melhor posicionar-se no Google, assim atraindo um fluxo maior de pessoas ao seu site. Atrelado a isso, existe a questão de que o Google preza pela qualidade dos conteúdos buscados em sua plataforma.

Autoridade de domínio versus Autoridade de página

Vemos aqui uma dúvida comum entre aqueles que investem estudo a respeito das estratégias digitais: qual a diferença entre autoridade de domínio e autoridade de página? A resposta é bem simples na verdade.

A diferença é que a autoridade de domínio determina a posição de um site, enquanto a autoridade de página determina o posicionamento de uma página específica desse mesmo site. Um conhecido medidor de autoridade de página é o PageRank.

Autoridade de domínio e o SEO

Quando se pensa em Autoridade de domínio não se pode esquecer de SEO, que é outra ferramenta de conteúdo digital focada em determinar a relevância de um conteúdo de site de acordo com a colocação de termos em textos e afins.

Aqui, vemos que esses dois fatores caminham juntos. Assim, a Autoridade de domínio é fundamental ao SEO, funcionando como parceiros na construção de estratégias favoráveis a um determinado website, visando sua maior procura.

Assim, unindo as características do SEO, como uso de palavras-chave e formatação adequada de texto, à linkagem de conteúdos e relevância da Autoridade de Domínio, obtêm-se mais resultados positivos (mais buscas).

Como obter Autoridade de domínio

Logicamente não funciona como mágica: é preciso ter planejamento e olho clínico em relação às informações intrínsecas ao seu site. Para isso comece pensando no conteúdo do website de forma a torná-lo ainda mais relevante e de qualidade, focando no SEO.

Feito isso, e observada à construção do conteúdo do site, atente-se a quantidade de visitas recebidas, quantidade de links utilizados nas postagens, se as imagens estão otimizadas e se suas URL’s são fáceis de lembrar.

É importante sempre relembrar do fato de que se deve estar atento à qualidade de seus textos, sempre analisando, revisitando, corrigindo e melhorando seus conteúdos para melhor adequá-los à sua persona, visando assim uma maior qualidade para que seu site se encaixe melhor nos rankings do Google.

 Autoridade de domínio: estratégias de sucesso

Notoriamente, focar em elaborar métodos para melhorar o posicionamento de um domínio no Google é fundamental para obtenção do sucesso online. Para isso, basta um pouco de estudo e determinação, e logo os frutos estarão sendo colhidos.